Dores nas costas atrapalham evolução na atividade física

12 de Janeiro, 2017

Viver com dor é a realidade de muitas pessoas que praticam atividades físicas, seja de forma amadora ou atletas profissionais. Infelizmente, as dores musculares, depois de um treino pesado, fazem parte do dia a dia de quem gosta de esporte. A parte preocupante, porém, é que muitos se acostumam com isso e tratam com analgésicos e anti-inflamatórios, sem investigar a causa real do problema.

O equilíbrio deve estar presente sempre para conciliarmos todas as áreas da vida sem prejudicar nenhuma. O mesmo acontece com o nosso corpo e é o que defende a quiropraxia. Se nossa coluna vertebral está desalinhada, nosso sistema nervoso é prejudicado, de modo que dores nas costas e articulações se tornam frequentes. A qualidade de vida também está amplamente ligada a isso, já que os impulsos nervosos passam pela medula espinhal.

Melhora no esporte e na vida

A melhora no desempenho dos atletas é resultado da extinção da dor. Passada a competição, a quiropraxia também recupera o movimento normal das articulações, evitando sobrecargas e desequilíbrios (a famosa sensação de ter algo preso). Prevenções de lesões também pode ser o foco do tratamento. Muitos atletas estão se cuidando regularmente com a quiropraxia para potencializar seu desempenho e manter os seus corpos funcionando da melhor forma possível.

Objetivos do Tratamento Quiroprático Desportivo

- Alinhar as articulações

- Aumentar a flexibilidade e a mobilidade

- Melhorar a resposta muscular e articular: aperfeiçoando o desempenho do atleta

- Prevenção de lesões: devido ao aumento da precisão na percepção do corpo no espaço

- Reabilitação de lesões: devido à aceleração do processo de drenagem do acúmulo de líquidos inflamados na região, diminuindo a dor local.


Desiree Moehlecke Quiropraxista do NAP